Caso Milton Ribeiro: Isso é uma venda de carro, tudo regular, nada de errado afirmou o advogado

Caso Milton Ribeiro: Isso é uma venda de carro, tudo regular, nada de errado afirmou o advogado - Otávio Sá Leitão

A mulher do ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, preso nesta quarta-feira pela Polícia Federal, recebeu um depósito de uma pessoa ligada ao pastor Arilton Moura no início deste ano no valor de cerca de R$ 60 mil.

Detalhes da transação foram revelados pela revista Veja e confirmada pelo advogado de Milton Ribeiro, Daniel Bialski. Segundo o documento, a mulher do ex-ministro, Myriam Ribeiro, teria vendido um carro para Victoria Bartolomeu, filha do pastor-lobista, também preso na operação.

— Isso é uma venda de carro, tudo regular, nada de errado — afirmou o advogado.

 

Ele disse que a regularidade da transação será comprovada nos autos da investigação.

A operação desta quarta-feira foi autorizada pela 15ª Vara Federal do Distrito Federal e apura crimes como corrupção e tráfico de influência durante a gestão de Milton Ribeiro. A investigação teve início no Supremo Tribunal Federal, mas foi enviada à primeira instância depois que Ribeiro deixou o cargo de ministro da Educação do governo Bolsonaro.

Veja repercussão:

 

 

 

Fonte: agora noticias Brasil


Participe do nosso grupo MÍDIA LIVRE no WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/J1XtopqyAuU1L7NZugWTKb

Comentários