Confira os sites mais acessados da Paraíba!

Ranking com credibilidade e confiança!

Bilhões saem das universidades para o ensino fundamental

Bilhões saem das universidades para o ensino fundamental - Otávio Sá Leitão

Apesar das críticas do remanejamento de 30% dos recursos do ensino superior para o ensino fundamental, o ministro da Educação, Abraham Weintraub (foto), disse, nesta sexta-feira (3), que a medida faz parte da promessa de campanha e do programa de governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

Weintraub afirmou que os “recursos futuros” da educação superior “vão ser direcionados para a pré-escola ou para a educação básica”, conforme publicou o portal G1.

Ele justificou a mudança de foco, afirmando que essa foi a prioridade defendida pelo presidente.

A mudança de foco em relação às outras gestões é criticada por especialistas.

Dados compilados pelo G1 mostram que as universidades recebem a menor parcela da verba quando considerado o gasto total dos municípios, dos estados e da União.

Segundo especialistas consultados pelo G1, tanto a educação básica (que vai da creche ao 3º ano do ensino médio) quanto o ensino superior precisam de mais dinheiro, principalmente quando o Brasil é comparado a outros países: o nível de investimento por aluno brasileiro ainda está abaixo da média das nações desenvolvidas.

Dados mantidos pelo próprio governo federal mostram, ainda, que o MEC gasta mais todos os anos com as universidades do que com as creches e pré-escolas, um fato que, para os especialistas, está em linha com a divisão das responsabilidades educacionais entre redes municipais, estaduais e federal determinada na Constituição, e também é uma realidade mundial.

Fonte: Foto: Marcelo Camargo/ABr

Comentários