Portal mídia livre 15 anos

Sem chances, Haddad poderia renunciar para dar lugar a Ciro na disputa

Compartilhe

Sem chances, Haddad poderia renunciar para dar lugar a Ciro na disputa

Kátia Abreu, vice de Ciro Gomes, fez um apelo para Haddad renuncie ao segundo turno para dar lugar a Ciro Gomes, que teria mais chances numa disputa contra Bolsonaro.

“Eu não estranharia e acharia muito digno se por acaso ele (Haddad) desistisse da candidatura vendo que pode entregar o País a um fascismo religioso”, afirmou, referindo-se a Bolsonaro. “A lei é clara. Se ele renunciar à sua candidatura, Ciro Gomes é o candidato. E é o único capaz de vencer Bolsonaro”, justificou.

A proposta de Kátia Abreu se baseia no artigo 77 da Constituição Federal, que no inciso 4º diz que “se, antes de realizado o segundo turno, ocorrer morte, desistência ou impedimento legal de candidato, convocar-se-á, dentre os remanescentes, o de maior votação”.

A maioria das alas, partidos e movimentos de esquerda reconhecem que Haddad que não tem a mínima chance contra Bolsonaro pois está ligadíssimo à corrupção petista, recebe ordens de dentro da cadeia e foi o pior prefeito da história de São Paulo. Sem contar que seu plano de governo é extremamente autoritário, o que já inviabilizou por completou sua eleição.

Para completar, a pesquisa Datafolha, que coloca Bolsonaro com 58% dos votos válidos, fez a campanha “renunciahaddad” ganhar ainda mais força nas redes sociais.

Todos sabem que o brasileiro jamais elegerá um governante do PT novamente.

 

Mais Notícias

PT terá que indenizar mulher por propaganda do Bolsa Família em campanha. Confira!
PT terá que indenizar mulher por propaganda do Bolsa Família em campanha. Confira!

Diretório do partido em São Paulo e deputado estadual João Paulo Rillo terão de pagar R$ 5 mil.

PREFEITO APARECE EM QUARTO NAS INTENÇÕES DE VOTO PARA 2016. Click e veja no site de Tavinho
PREFEITO APARECE EM QUARTO NAS INTENÇÕES DE VOTO PARA 2016. Click e veja no site de Tavinho

CELSO RUSSOMANO, MARTA SUPLICY E DATENA ESTÃO ENTRE PREFERIDOS DOS ELEITORES PAULISTANOS PARA ASSUMIR A PREFEITURA DE SÃO PAULO