Portal mídia livre 15 anos

Os Médicos divulgam boletim sobre Bolsonaro, que deve ficar mais tempo internado

Confira:

Os Médicos divulgam boletim sobre Bolsonaro, que deve ficar mais tempo internado

Nas redes sociais, filho do candidato disse que seu pai está pagando um alto preço por tentar mudar o Brasil.
O candidato do PSL à Presidência da República Jair Bolsonaro teve que passar no final da noite desta quarta-feira (12), por uma cirurgia de emergência devido à obstrução no intestino. Após o procedimento, ele foi novamente encaminhado à Unidade de Terapia Intensiva (UTI), de onde havia saído no dia anterior. Após o procedimento cirúrgico, por volta das 23 horas, os médicos Hospital Israelita Albert Einstein, onde ele está internado desde o último sábado (8), divulgaram novo boletim médico informando sobre o estado de saúde do presidenciável e também disseram que ele deverá ficar mais tempo internado.

De acordo com o que foi passado pelo boletim, Bolsonaro apresentou uma distensão abdominal progressiva e náuseas e por conta disso precisou ser submetido a uma tomografia do abdômen.

O exame revelou a presença de aderência (uma espécie de faixa de tecido humano), que estava sendo responsável por obstruir o intestino delgado. Por essa razão, além de o risco de necrose de partes do órgão ou uma completa obstrução do intestino, os médicos decidiram por realizar a cirurgia, que durou cerca de uma hora.

Essa nova cirurgia fará com que a saída do candidato do hospital seja adiada. Ainda na semana passada, logo após dar entrada na Santa Casa de Juiz de Fora, a previsão era de que Bolsonaro ficasse internado entre uma semana e dez dias. Porém agora não existe uma definição de quando ele possa deixar o hospital. Isso também irá atrasar alguns atos de campanha, uma vez que aliados esperavam poder gravar ainda nesta semana vídeos com ele ainda no hospital, porém esse trabalho também precisará ser adiado por tempo indefinido.

Nesta quinta-feira (13), completam-se oito dias que o presidenciável sofreu um atentado durante um ato de campanha em Juiz de Fora, quando foi atacado por um homem armado de uma faca.

A primeira pesquisa do Ibope feita após o atentado e divulgada na última segunda-feira (10), revelou uma forte subida do candidato do PSL, que agora passa a ter 26% das intenções de votos, atingindo seu melhor resultado até então e índice quatro pontos maior em comparação ao levantamento anterior.

Meu pai está pagando um preço muito alto
Logo após a realização da cirurgia, o Flávio Bolsonaro, filho de Jair e candidato ao Senado pelo Rio de Janeiro, usou as redes sociais para comentar o sucesso do procedimento. Para ele, seu pai está pagando um preço muito alto por querer resgatar o Brasil. “Está literalmente dando seu sangue”, escreveu.