Portal mídia livre 15 anos

NÃO É SUA CULPA

Ameaças de vazamentos de fotos íntimas atingem, sobretudo, mulheres e meninas nas redes sociais.

NÃO É SUA CULPA

Uma jovem de apenas 15 anos decidiu tirar a própria vida após sofrer ameaças de vazamentos de fotos íntimas. A morte de Karen Saifer, em novembro de 2017, expõe as consequências trágicas dos dos crimes online.

Em busca de proteção para essas vítimas, e num esforço para que esse tipo de violência não continue a ocorrer, a ONG SaferNet, que atua na defesa de direitos humanos na internet, em parceria com o Twitter e com o Facebook, dá início nesta terça-feira (15) a campanha Sextorsão: não é sua culpa.

O termo sextorsão vem da união das palavras "sexo" e "extorsão". De acordo com Juliana Cunha, coordenadora psicossocial da organização, o conceito categoriza de forma mais clara o problema que atinge, principalmente, mulheres e meninas - elas somam 69% dos casos atendidos pela ONG.

"Muitas das vítimas que procuram a SaferNet relatam sofrer ameaças, e a ameaça em si já é uma violência. As chantagens têm o propósito de obter mais imagens, um encontro presencial ou querem que quantias sejam pagas para que não ocorra o vazamento", explica em entrevista ao HuffPost Brasil.

Só em 2017, a ONG SaferNet recebeu 63.698 denúncias anônimas de cyber crimes envolvendo 32.936 páginas distintas. O crime mais denunciado foi a pornografia infantil, com 20.975 relatos, um aumento de 18,87% em relação a 2016.

Mais Notícias

Governador de Minas surta e manda pintar as fachadas das farmácias SUS da cor do PT. Click e veja no site de Tavinho
Governador de Minas surta e manda pintar as fachadas das farmácias SUS da cor do PT. Click e veja no site de Tavinho

Governador de Minas surta e manda pintar as fachadas das farmácias SUS da cor do PT

Tudo que você precisa saber para entender (e não falar besteira) sobre a crise com a Síria. Confira!
Tudo que você precisa saber para entender (e não falar besteira) sobre a crise com a Síria. Confira!

Como sempre, a direita faz um favor ao mundo. Do mesmo modo que Jair Bolsonaro fez as vendas do livro ‘A Verdade Sufocada’ bater recordes ao falar do coronel Brilhante Ustra, Donald Trump fez com que todos de repente se interessassem pela Síria com sua decisão de bombardear uma base militar na região.