Portal mídia livre 15 anos

Gleisi e Requião espalham ‘fake news’ de que Moro estaria em Portugal, mas ele estava em Curitiba quando impediu que Lula escapasse

Confira!

Gleisi e Requião espalham ‘fake news’ de que Moro estaria em Portugal, mas ele estava em Curitiba quando impediu que Lula escapasse

O juiz federal Sergio Moro informará ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que estava no Brasil, e não em Portugal, no domingo em que despachou no habeas corpus concedido ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo desembargador petista plantonista Rogério Favreto do TRF4.

Moro não saiu de Curitiba, ao contrário da ‘fake news’ divulgada por Requião e Gleisi aos berros no senado. Ele estava de férias, mas como foi citado no despacho armado pelo desembargador do PT, ele tem o direito de se manifestar, e orientado pelo próprio  presidente do TRF4, impediu o golpe para libertar Lula ilegalmente.

 

 

requiao.png

Mais Notícias

Senador do PT orientou Lula: “Desacate o juiz Moro, vire preso político e comova o país” Click aqui
Senador do PT orientou Lula: “Desacate o juiz Moro, vire preso político e comova o país” Click aqui

Em conversa com o advogado Roberto Teixeira [que representa Lula] , o senador Jorge Viana (PT-AC) sugeriu que o ex-presidente transformasse sua defesa numa “ação política”, desacatando o juiz Sérgio Moro