Portal mídia livre 15 anos

Autor de ação que tentou soltar Lula emprega mulher no Senado

Confira!

Autor de ação que tentou soltar Lula emprega mulher no Senado

O deputado Paulo Pimenta (PT-RS), um dos autores do pedido de liberdade de Lula e que foi deferido pelo desembargador plantonista Rogério Favreto do TRF-4,  tem sua mulher empregada em cargo comissionado no Senado. 

Segundo a coluna do Estadão, a professora Cláudia Dutra Pereira recebe R$ 10,9 mil como assessora no Bloco da Resistência Democrática (PT-PDT), liderado pelo senador Lindberg Farias.

Pimenta diz que a mulher é concursada da Secretaria Municipal de Santa Maria (RS), onde o salário médio de professor é de R$ 4,8 mil. O deputado nega influência na contratação dela.

Ainda segundo a coluna, Pimenta é amigo pessoal do desembargador Rogério Favreto.

Mais Notícias

Enquanto a economia brasileira sofre, a da favela floresce. Confira aqui
Enquanto a economia brasileira sofre, a da favela floresce. Confira aqui

Moradores de comunidades como Heliópolis, em São Paulo, apostam no empreendedorismo para enfrentar efeitos da crise.